Esse blog é uma homenagem às minhas avós, às avós do meu filho e a todas as mulheres que tem a doce experiência de serem avós. Acredito que no âmbito familiar poucas coisas são tão saudáveis quanto o estar na casa da vovó, desfutar de sua companhia, de seus quitutes e fazer descobertas diárias sobre o mistério que envolve a distãncia entre as coisas do tempo da vovó e a nossa vida cotidiana, principalmente quando somos crianças.

Seguidores

domingo, 2 de outubro de 2011

Dona Tatarabisavó Remunda


Imagem bolosciabyanarosacosta
 
 Hoje foi um dia daqueles que em que a casa ficou vazia. Logo cedo, Tia Bia passou por aqui  e levou Vovó para a chácara de Dona Remunda. Ela está completando cem anos! Tem muitos netos, bisnetos e tataranetos. Tia Bia é casada com um neto de Dona Raimunda e vai ajudar na preparação do almoço festivo, por isso foram para lá bem cedo.
Vovó foi  se juntar às outras comadres. Vai ser um dia agitado, onde de tudo um pouco todas vão contar algum segredo, e eu daqui de longe não vou ficar sabendo de nada... A chácara é muito longe e não teve como irmos todos pra lá .
Todos os anos ela comemora o aniversário, mas este é especial, porque comemora um século de vida.  Dizem que mandaram até anunciar na rádio da capital! Imagino como deve estar cheio de gente por lá. Todos que ficarem sabendo vão se sentir convidados e passarão para fazer uma boquinha...
Com tantos anos de vida, sempre alegre, vaidosa e cheia de vida, Dona Remunda é uma matriarca de dar inveja a muitas jovens da região. Durante toda a sua vida morou lá Recanto das Sempre Vivas. O terreno foi herança de um negro cativo que o havia adquirido como prêmio por ter salvado seu senhor das garras de uns cobradores de dívida que  viviam perseguindo o homem em todo lugar.
E assim, após o cativeiro, seus descendentes ficaram habitando o lugar e hoje Dona Remunda é a guardiã não só dos documentos de posse, mas também dos segredos da família.
Sei que essas festas de lá, assim como as que se fazem aqui, são muito boas para se abastar de doces e comidas gostosas, e também para se ver gente. Gente de todas as partes, que a gente observa e depois sai por ai comentando, assim como eles comentam sobre nós...

7 comentários:

Misturação - Ana Karla disse...

Espetacular!
Um século com saúde.
Realmente uma grande festa.
Admiro muito o centenário humano.
Parabéns para Tatarabisavó.
Xeros

✿ chica disse...

Que coisa legal!

Essa vovó de 100 anos é uma bênção!

Desejo felicidades e tudo de bom!


beijos às duas,chica

Mauro S disse...

Parabéns a senhora de cem anos de vida, e sempre saúde para ela e todos que a cercam, abraços, Mauro

Juliana Nascimento disse...

Aí que delícia de cantinho Anabela!
Primeira vez que aqui venho para ler com calma... me fez lembrar minhas avós!
Imagina, 100 anos, tem que ser comemorado mesmo e só no interior tempos festas realmete boas!rsrs.

Beijos,
Jú!

Lu Cavichioli disse...

Que história bonita e 100 anos vale todas as comemorações possíveis.

Adorei teu blog. Adorei o nome do blog e tudo que vi por aqui. Tão somente porque tenho um amor enorme pelas avós.
As minhas já se foram, mas tenho muitas histórias com uma delas, pelo menos! =D

Virei fã e vou te linkar no Retratos em Degradê.

beijos querida e um lindo fim de semana pra ti!

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Que maravilha uma pessoa fazer um século de vida, vivendo ainda com alguma qualidade. Há que comemora e muito! Linda a história do lugar e também muito interessante o nome do Recanto; combina com a idade da Dª Remunda sempre bem viva, conforme contas. Um beijinho e fica bem! Parabéns para a tua tataravó.
Emília

heloisa de mesquita inoue disse...

Eh... 100anos não é para qualquer um... tenho uma tia que está com 92anos, bem disposta e lucida... não sei se chego a tanto... tenha um ótimo domingo! beijos!